Header Image

Volney de Magalhães Câmara

Preocupado com a qualidade de vida do trabalhador, e das populações expostas a contaminantes químicos, o médico Volney de Magalhães Câmara dedicou boa parte de sua vida profissional para discutir a temática, em especial a intoxicação pelo mercúrio como problema de Saúde Pública.
Mestre em Medicina Ocupacional pela The London School of Hygiene and Tropical Medicine da Universidade de Londres e Pós-Doutor em Saúde Ambiental e Ocupacional pela Organização Pan Americana de Saúde, Câmara atua principalmente com os efeitos epidemiológicos dos poluentes químicos, que interferem na saúde humana e nas inter-relações entre o homem e o ambiente. Seu trabalho dedica-se em articular ações de saúde integradas – prevenção, promoção, vigilância e assistência à saúde de populações expostas a contaminantes químicos.
Atualmente Câmara é professor titular da Faculdade de Medicina e do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio de Janeiro e consultor da área de Saúde Ambiental da Secretaria de Vigilância em Saúde. É também membro do Comitê Técnico Assessor de Vigilância em Saúde Ambiental, da OPAS em Washington, nos Estados Unidos e do Instituto Evandro Chagas do Ministério da Saúde no Brasil.
Colaborou com 31 publicações e escreveu 118 artigos para revistas científicas, participou de 219 bancas, sendo 31 delas para seleção de Professor Titular. Câmara ainda é diretor Territorial Ibero-América da Revista de Salud Ambiental de Madrid, Espanha e é editor associado dos Cadernos Saúde Coletiva (UFRJ).